Quem sou eu?!

Minha foto
Jéssica Menezes ,22 anos,Sou Santista e falo "Tu",estudante de Ciência da Computação,pseudo-escritora,geek,rock,livros,café,chocolate !

domingo, 27 de junho de 2010

Doenças: Anorexia

(Isso é querer ser magra demais...Eu já estou convencida,tudo bem eu sou magra)

Anorexia é a sensação muito diminuída de apetite. Na maioria dos casos, os estudos científicos focam seus estudos na anorexia nervosa. Nem sempre, contudo, a anorexia pode ser explicada por transtornos de ordem alimentar. A Anorexia também pode ter causas que não remetem, necessariamente a um distúrbio.

Diminuição do apetite

Frequentemente são apresentadas queixas sobre os distúrbios do apetite na infância, representadas comumente pelas mães como: "Meu filho não come" e/ou "só come porcarias". Essas queixas são cada vez mais comuns nos ambulatórios e consultórios de pediatras e nutricionistas, afetando a todos os níveis socioeconômicos e culturais, merecendo desta forma, uma análise cuidadosa do caso, a fim de se propor uma conduta mais adequada. As razões desse comportamento são bastante complexas. Existem interações de características familiares e contextos sociais, sendo comum em algumas faixas etárias, com causa preponderante a inapetência. Em função disto, vários autores optam por abordar o tema do ponto de vista do aparecimento de "sintomas" na criança, de acordo com as fases de desenvolvimento e posterior conduta para prevenção e tratamento da recusa alimentar.
Algumas vezes a Anorexia pode ser consequencia da Bulimia nervosa. Assim a pessoa come menos e pratica o ato bulímico mais vezes do que deveria, fazendo com que a Anorexia ocorra mais rápido.

Recusa alimentar nos primeiros anos de vida

A inapetência costuma coincidir com a ansiedade dos pais para que a criança se alimente, oferecendo alimentos de baixo teor calórico. Desta forma, a criança associa que, se ela não comer, obterá o que deseja.
Nesse sentido estudos indicam que é preciso distinguir as crianças que comem pouco e/ou são seletivas daquelas que realmente apresentam critérios diagnósticos da Anorexia. A simples seletividade alimentar não pode ser classificada como uma desordem alimentar clássica e sim como uma manifestação de protesto e oposição da criança aos pais, que a frustra ao educá-lo.

Fonte dessa pesquisa: wikipedia.org

Nenhum comentário:

Postar um comentário

E ai,gostou? Então comenta!